PesquisaMorte:

ArquivoMorte

FeedMorte

CadastroMorte

Cadastre seu e-mail aqui:

Delivered by FeedBurner

domingo, 18 de janeiro de 2015

PedidoMorte: Jumper - O Filme.


"Ei Shady, voce faz só found fontage ou analisa outros filmes? Tenho uma pesquisa sobre o filme Jumper como analise de TCC e adoraria se voce me fizesse uma pequena analise sobre ele. Uma segunda opinião sempre conta! Roberto Guedes"

Pois bem, eu prefiro falar de filmes do gênero found, pois curto terror e gosto de realismo, mas eu confesso que fiquei empolgado com o pedido e bem... acho que não tem problema em falar um pouco de "Jumper".


Farei uma análisemorte no meu estilo... e bem... vamos ver no que vai dar ^^

Provavelmente haverá spoiler então, prepare-se e certifique-se antes de ler ta... 

Boa leitura!



O sonho de muitos é ter superpoderes, e quem nunca desejou ter o poder de teletransportar? Estar onde quiser estar só com o poder da mente, viajando pelo espaço em questão de segundos... essa é a história de Jumper!

Na verdade a história de Jumper envolve um tipo de pessoa, chamada "Jumper", que com um simples pulo consegue teletransportar. A história do filme gira em torno de um Jumper em particular, que após descobrir sua habilidade, e domina-la, passa a viajar o mundo todo e curtir... até que os templários apareçam.

Templários são Soldados da Igreja, famosos por lutarem durante as Cruzadas, evento cristão de peregrinação e carnificina em nome de Deus. Pois bem, historicamente, os Templários foram exterminados, após terem grande sucesso e tudo mais, e se tornarem poderosíssimos no mundo, cheios de influências e talz. Eles foram considerados hereges, e foram aniquilados, queimados como bruxas... porém, depois disso, todos os tesouros que os Templários possuíam desapareceram e, depois de sumirem, a Guerra dos 100 anos se iniciou. Isso gerou uma série de teorias... e bem, o nome dos Templários é associado até hoje a várias teorias de conspiração e coisas assim.

Cavaleiros Templários (materecclesiauna.wordpress.com)
Aqui, Templários são uma organização de caçadores de Jumpers. Eles caçam, encontram e matam todo e qualquer Jumper existente, tudo por que eles seguem o seguinte conceito:

"Apenas Deus pode ser onipresente, e estar em todo lugar, a todo momento."

Isso significa que eles matam essas pessoas, especiais, em nome de Deus.


Além disso, Templários acreditam que todo Jumper se torna uma hora ou outra um inimigo da sociedade e uma ameaça, justamente por serem poderosos e habilidosos de mais.

Isso meio que relembra uma ideia antiga, onde religião reprime tudo que é místico e inexplicado, taxando de diabólico, demoníaco, maligno e por ai vai.

Curiosamente, os mesmos templários que lutam tanto contra o misticismo dos Jumpers, também reproduziram máquinas capazes de imitar e perseguir os mesmos. Algumas delas são:

Um Bastão/Gancho Elétrico, que impede que os Jumpers pulem, e um Gerador de Portal, que usa o rastro dos Jumpers em meio a dimensão para, abrir um portal direto pro lugar para onde pularam.


Armados, muito bem armados, os Templários tem essa missão, a de destruir e eliminar os Jumpers da face da terra, e assim purifica-la.

Mas no filme a história gira em torno de um garoto que descobre que suas habilidades ao se salvar de um afogamento. Ele consegue pular dentro da água e vai parar numa biblioteca, e depois que ele domina sua habilidade de pulo, ele rouba um banco, pega bastante dinheiro, e foge. A história se passa anos depois, com esse garoto já como homem, gozando de todos os benefícios de seus pulinhos, passeando e vivendo por todo o mundo, sem nada em sua cola, sem nada para impedi-lo. Até que um dia um Templário surge em sua porta, um que o caçava desde o dia em que ele roubou o primeiro banco... e a partir de então ele vira seu alvo. Ele foge, acaba deixando fotos de todos os lugares para onde ele costumava viajar pra trás e bem, ele fica totalmente vulnerável.

Mas o cara faz bobagem, vai atrás de uma garota que gostava na época da escola, acaba envolvendo ela na confusão, conhece outro Jumper, que explica pra ele o que ele é e o que são os Templários e por fim, ele consegue derrotar os templários que o perseguiam, e prova que é forte pra caramba... mas pra variar, ele descobre que sua mãe é uma templária, e  onde ela vive, vai atrás dela, descobre que tem uma irmã, e que a mãe dele o deixou quando ele era criança só pra não ter de mata-lo, afinal ela soube que ele era um Jumper nessa mesma época.

Enfim, a história do filme é resumidamente essa, mas eu recomendo que assista, vale a pena, é um ótimo filme do estilo Ficção.

Curiosamente, poderia ser um filme de Super Heróis... pois durante ele há um trecho em que mostra que o Jumper só não é um Super Herói porque não quer, afinal chances de mostrar que é bonzinho e salvar as pessoas ele tem. Tem uma parte em que ele está assistindo televisão, e ao trocar de canal passa um noticiário, onde mencionam que há pessoas presas numa enchente, mas o resgate não tem como chegar até eles... um Jumper poderia usar a imagem das filmagens para teletransportar diretamente para o local onde as pessoas estavam e salvar uma a uma... afinal para se teletransportar os únicos requisitos são, saber e conhecer o local para onde vai, e pular. Mas ele muda de canal e continua a curtição.


Enfim, Jumpers tem potencial, mas são idiotas... pelo menos não tem a orientação certa... talvez, se os Templários optassem por educa-los ao invés de exterminá-los... eles teriam novos guerreiros em nome de Deus... ao invés de alvos. Um guerreiro de Deus que pode teleportar seria bem útil...

Pergunte ao Noturno... 
Juro que até hoje, eu me imagino com tamanha habilidade e o que eu faria se pudesse pular e viajar pelo espaço como os Jumpers... eu iria salvar tanta gente, e iria fazer tanta coisa.... seria muito show... e bem, eu ainda sonho com isso... esse é um dos filmes mais legais que já vi... e apesar de achar o protagonista um tapado apaixonado... preciso admitir que ele é bem forte... mas muito burro... pena que é mera ficção.

Bem... é isso. 

Postagem simples... mas foi como uma resposta ao comentário... só pra mostrar que... bem... eu consigo, eu quero... então eu faço!

Obrigado pela atenção... e já estou terminando de escrever sobre um Mega Man!... Até breve!!! 
(E seja bem vindo Sr Roberto!)


2 comentários:

  1. rapaz eu gostei do filme mais concordo que poderia ser bem mais aproveitado,um exemplo disso é uma trilogia de uma autora chamada:julie cross, a serie é tempest recomendo voce ler é como se a autora escreve-se um jumper modificado so lendo vc vera que [e bem parecido.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aceito a recomendação e assim que eu puder, lerei. Infelizmente eu curto mais jogar, digitar e desenhar, dificilmente leio... mas farei isso assim que puder.

      Mas acho que já ouvi falar desse nome...

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores do Google+